Todos os registros

Três vestidos fazem pra se apresentar: um estudo sobre o vestir no espetáculo O Auto do Círio

668
Três vestidos fazem pra se apresentar: um estudo sobre o vestir no espetáculo O Auto do Círio
Francisco Edilberto Barbosa Moreira

Três Vestidos Fazem para se apresentar: um estudo sobre o vestir no espetáculo O Auto do Círio, é apresentado em três sessões, intituladas vestidos. No Primeiro Vestido: a poética na rua dos primeiros Autos do Círio, o ator é o criador do seu vestir. No Segundo Vestido: roupa, figurino e fantasia, é feita uma apresentação desses conceitos principais, bem como do processo criativo realizado com a colaboração de carnavalescos. O Terceiro Vestido: o figurino-fantasia do Auto do Círio, discorre sobre os processos criativos analisados, seja enquanto ator, figurinista ou carnavalesco que concebe e cria os figurinos para o espetáculo. A partir dessas análises, proponho um novo conceito desse vestir, que denomino de figurino-fantasia.

Leia mais...

O processo de turistificação do espaço em santuários e eventos católicos: uma análise sobre o Círio de Nazaré em Belém-PA

667
O processo de turistificação do espaço em santuários e eventos católicos: uma análise sobre o Círio de Nazaré em Belém-PA
Debora Rodrigues de Oliveira Serra

O Círio de Nazaré em Belém do Pará é realizado desde o final do século XVIII e, ao longo dos anos, tornou-se um complexo de eventos sagrados e profanos, atraindo de modo crescente milhares de turistas para a cidade no mês de outubro. Observando a sua importância para a atividade turística, esse estudo visa analisar a turistificação de espaços em santuários e eventos católicos, enfocando essa festividade a partir da atuação dos agentes envolvidos nesse processo. Tal objetivo se desdobra na identificação e análise tanto de espaços turistificados durante a festividade, quanto dos agentes, os quais se apropriam de tais espaços, com interesses religiosos, políticos, econômicos e culturais (em sentido amplo). As pesquisas realizadas demonstram a diversidade de suas intenções, que historicamente convergem e divergem entre si, ocasionando conflitos de territorialidades, que os impelem a criar estratégias para manterem seus territórios, dentre elas as parcerias. Assim, a análise desse processo possibilita a compreensão da importância de cada agente e a necessidade de se buscar o entendimento entre eles de modo a democratizar os benefícios ocasionados pela atividade turística em seu segmento cultural e, mais especificamente, religioso.

Leia mais...

Igreja Católica no mundo digital: as tensões entre discurso e prática da igreja na era da internet e as redes de relacionamento do Círio de Nazaré, em Belém do Pará, como fenômeno de midiatização religiosa

368
Igreja Católica no mundo digital: as tensões entre discurso e prática da igreja na era da internet e as redes de relacionamento do Círio de Nazaré, em Belém do Pará, como fenômeno de midiatização religiosa
Thamiris Magalhães de Sousa

Este trabalho busca analisar os processos de interação entre fiéis e igreja, mais especificamente nas redes de relacionamento da maior procissão católica da América Latina: O Círio de Nossa Senhora de Nazaré, realizado todo segundo domingo de outubro na capital paraense, Belém do Pará. As redes sociais digitais do Círio e dos internautas, mais especificamente o Facebook, são estratégias ainda recentes utilizadas pela igreja para evangelizar, nas chamadas mídias digitais, originárias da web 2.0 e da cibercultura, em uma sociedade em vias de midiatização. Nessas novas plataformas  comunicacionais, a religião começa a alterar seus modos de se comunicar, sendo que os fiéis passam a ter papel central e relevante neste novo cenário. Nesta análise, são discutidas que mudanças começam a surgir no discurso e na prática da Igreja Católica Apostólica Romana proporcionadas pela inserção da igreja no mundo digital, bem como as tensões encontradas ao longo deste percurso entre o dizer e o fazer da instituição religiosa. São percebidas, ainda, as divergências encontradas nas opiniões dos próprios padres, com relação ao uso, objetivo e outros detalhes quanto à evangelização no meio digital. Como estudo de caso, são analisados os discursos dos internautas nas mídias digitais do Círio de Nazaré, percebendo se há uma alteração no modo de ser e fazer religião e um novo modo de ser religioso que começa a emergir nas redes de relacionamento da internet, com a crescente midiatização da sociedade.

Leia mais...

Círio de Nazaré: da taba marajoara à aldeia global

369
Círio de Nazaré: da taba marajoara à aldeia global
Regina Alves

Estuda a transmissão direta do Círio de Nazaré pela TV Liberal de Belém, nos anos de 1983 a 2000 (exceto 1986). Analisa a construção do espetáculo midiático da romaria, periodizando a transmissão da TV Liberal em três fases: 1983-1990; 1991-1996 e 1997-2000. Apresenta resultados de análise de fitas com as gravações dessas emissões, pesquisa bibliográfica, entrevistas e observação direta da produção e transmissão do evento (em 2000). Apresenta a romaria do Círio de Nazaré, de suas origens, em 1793, aos dias atuais. Registra as origens da TV brasileira, situando os contextos em que surgem, no Pará, as TVs Marajoara e Liberal. Registra as primeiras externas do Círio de Nazaré, inauguradas pela TV Marajoara, em 1961, e também as primeiras transmissões diretas da TV Liberal, a partir de 1976.

Leia mais...

Sociabilidades no Mercado de Peixe do Ver-o-Peso durante o Círio de Nazaré

329
Sociabilidades no Mercado de Peixe do Ver-o-Peso durante o Círio de Nazaré
Lícia Tatiana Azevedo do Nascimento

Esta dissertação pretende analisar alguns aspectos das práticas realizadas pelos peixeiros, balanceiros e geleiros, do Ver-o-Peso através das sociabilidades por eles exercidas. Partindo do pressuposto que as práticas sociais são responsáveis pelos significados ou ressignificações dos espaços, o Ver-o-Peso o mais antigo espaço comercial da cidade de Belém, se apresenta cotidianamente como um lugar de expressiva atividade de trabalho, porém, eventualmente, é também um espaço de lazer para os que nele diariamente trabalham. A partir da Festa que é realizada durante o Círio de Nazaré em Belém, como forma de render honrarias a Santa, Nossa Senhora de Nazaré, será interpretado à luz de uma abordagem antropológica, o lado lúdico existente no Ver-o-Peso. Para realização da análise foram realizadas observação direta e entrevistas junto àqueles trabalhadores que trabalham com a comercialização do pescado no Ver-o-Peso, mais precisamente no Mercado de Ferro (ou de Peixe), e que são responsáveis pela realização da Festa.

Leia mais...
Projeto desenvolvido por