Negócios sagrados: reciprocidade e mercado no Círio de Nazaré

327
Negócios sagrados: reciprocidade e mercado no Círio de Nazaré
Vanda Pantoja

Este trabalho discute a organização de uma das maiores festas religiosas do Brasil: o Círio de Nossa Senhora de Nazaré, em Belém, Pará. Usando o Paradigma do Mercado Religioso e a Teoria da Dádiva, proponho avaliar a celebração, tomando como ponto de partida uma análise da Diretoria da Festa, que é a instituição que promove a celebração religiosa. O propósito desta avaliação é apontar a convergência entre as duas teorias. Ao longo do trabalho, discuto a gênese e a expansão da celebração, assim como a relação entre a Diretoria da Festa e os devotos de Nossa Senhora de Nazaré.

PDF

Projeto desenvolvido por